Compartilhar share

Seminário de Políticas Públicas em Proteção e Bem-Estar Animal reúne 40 servidores públicos da região da AMFRI

Publicado em 24/09/2021 às 11:48 - Atualizado em 24/09/2021 às 11:49

Servidores públicos da região da AMFRI participaram do Seminário de Políticas Públicas em Proteção e Bem-Estar Animal, nesta quinta-feira (23), na sede da associação. A organização e promoção do evento foi da Associação dos Municípios da Região da Foz do Rio Itajaí (AMFRI), por meio do Colegiado do Meio Ambiente e do Grupo de Trabalho de Proteção e Bem-Estar Animal.

Ao longo do dia, cerca de 40 servidores públicos, representantes de ONG's e Vereadores estiveram presentes para acompanhar três cases de sucesso de programas, ações e políticas municipais em Proteção e Bem-Estar, a fim de disseminar ideias para implantação nos municípios da região da AMFRI.

Na primeira palestra, conduzida pela Presidente do Conselho Municipal de Proteção Animal de Balneário Camboriú, Karine Almeida Gomesa com auxilio Guarda Municipal do Grupo de Proteção Ambiental, Leila Nadai, bem como a participação de forma virtual da Secretária do Meio Ambiente de Balneário Camboriú, Maria Heloisa Furtado Lenzi, apresentaram o Programa Abraço Animal do município de Balneário Camboriú.

Maria Heloisa destaca que o tema de Proteção Animal sempre esteve presente no Colegiado, porém a formação do Grupo de Trabalho de Proteção e Bem-Estar Animal foi fundamental para colocar as ações do tema em prática.
“Participar do seminário foi fundamental como ouvinte. Cada experiência compartilhada é um avanço que os municípios podem ter, principalmente de adaptar a experiência com a sua realidade. O case apresentado de Balneário Camboriú serviu para compartilhamos os erros, acertos, dificuldades e facilitadores para que o Programa Abraço Animal avance cada dia mais”, ressalta.

Karine agradeceu a oportunidade e parabenizou a AMFRI pela ação. “A causa animal tem muito que avançar, e são eventos como esse que contribuem para um melhor entendimento disso por parte dos órgãos públicos, a troca de informações e experiências que dão certo são o caminho mais curto a ser percorrido para essa evolução”, explica.

O Diretor do Departamento de Pesquisa e Conservação da Fauna da Secretaria Municipal do Meio Ambiente de Curitiba, Edson Ferraz Evaristo de Paula, relatou sua experiência com a Rede de Proteção Animal de Curitiba, apresentando diversos programas e ações em proteção e bem-estar animal desenvolvidos no município. E por fim, o Delegado de Polícia Civil e Chefe da Delegacia de Proteção ao Meio Ambiente do Paraná - DPMA, Matheus Araujo Laiola, explanou sobre a atuação da Delegacia de Proteção ao Meio Ambiente na fiscalização de maus tratos, apresentando diversas situações de ações fiscalizatórias realizadas pela DPMA.

Para a Educadora Ambiental da Fundação do Meio Ambiente de Camboriú (FUCAM), Sirléia Lopes Sebold, o seminário trouxe aprimoramento no conhecimento através das experiências relatadas pelos palestrantes.

“Camboriú como inúmeras cidades brasileiras tem seus problemas para o cuidado com a fauna, porém temos na FUCAM o apoio de nosso presidente Valmor Dalago e do Prefeito Elcio Kuhnen. O seminário nos impulsiona ainda mais na junção de forças para a implantação de políticas públicas eficazes para o bem-estar animal”, finaliza.

Texto e fotos: Lyandra Machado Batista - Assessoria de Comunicação

facebook.com/amfri.org - imprensa@amfri.org.br - Whats AMFRI (47) 99915-1746 - instagram @amfrioficial


Galeria Multimídia

{{grupo.nome}}
  • {{grupo.items.length - 12}}
    {{item.codGaleriaMultimidiaItem}}
Fechar